Lifting de Braços

FICHA TÉCNICA:

Nome técnico: Braquioplastia ou Dermolipectomia de Braço
Partes do corpo: Regiões com excesso de pele e gordura
Idade recomendada: após a adolescência, quando cessar o crescimento.
Anestesia: geral.
Duração da cirurgia: em média 2 à 3 horas.
Permanência no hospital: em média 12 horas.
Cicatriz: na face interna dos braços
Pré-operatório: exames laboratoriais de rotina.
Pós-operatório: o curativo que protege a cicatriz deve ser usado durante um dia. Dependendo do caso é necessário o uso de malha compressiva.
Tempo de recuperação: de 10 a 15 dias

braquioplastiaConhecida cientificamente como braquioplastia, o lifting de braços remove o excesso de pele dos braços que geralmente é causado após grande perda de peso ou envelhecimento.

 

A braquioplastia é freqüentemente realizada com outros procedimentos como lipoaspiração, cruroplastia(lifting de coxas) e abdominoplastia para atingir um melhor contorno corporal. Essas cirurgias são feitas mais comumente após grande perda de peso ou em pacientes que tem grande flacidez no braços, coxas e abdome.

 

PARA QUEM É ESSA CIRURGIA?

A braquioplastia é mais efetiva em pacientes que estão próximos ao seu peso ideal mas que tem problemas nos braços e desejam remodelá-los. Muitos desses pacientes tiveram uma grande perda de peso e agora estão com o peso estável, mas tem excesso de pele e gordura em seus braços.
Este procedimento é indicado para quem tem boas condições clinicas, que não sejam fumantes e que não tenham outros problemas de saúde que possam interferir na cirurgia.

 

É muito importante que o paciente tenha expectativas realistas com relação a cirurgia para atingir assim sucesso com o procedimento.

 

PROCEDIMENTO CIRÚRGICO:

Pacientes com pouco acúmulo de gordura e sem excedente de pele podem ter bons resultados com a lipoaspiração isoladamente. A lipoaspiração é muito menos invasiva e remove o excesso de gordura por mínimas incisões.

 

Para pacientes com excesso de pele e gordura, a braquioplastia é feita com uma incisão desde junto ao cotovelo até a axila, na face interna do braço. O excedente de pele é então retirado podendo ser associada a lipoaspiração quando indicado. Um dreno pode ser necessário para remover o excesso de líquidos e curativos são colocados nas incisões.

 

A cirurgia pode ser feita com anestesia geral ou local com sedação. Todo o procedimento dura cerca de 2 horas e o paciente pode geralmente receber alta no mesmo dia, após a recuperação da anestesia.

 

RESULTADOS E PÓS-OPERATÓRIO:

Após a braquioplastia, pacientes podem apresentar edema nos membros superiores, bem como alterações de sensibilidades nas mãos. Esses efeitos colaterais tendem a ser leves e desaparecerem em poucos dias. Dor no pós-operatório pode ocorrer, mas varia dependendo de pessoa para pessoa. A maioria dos pacientes não apresentam mais dor após 7-10 dias. As incisões para a braquioplastia são colocadas em posições inconspícuas tendendo a ter cicatrizes de boa qualidade.

 

Os resultados deste procedimento são visíveis de imediato e continuarão a melhorar com a diminuição do edema e outros efeitos colaterais por 3 a 6 meses. Pacientes geralmente sentem-se mais confortáveis e com melhor auto-estima após a cirurgia.

 

RISCOS E COMPLICAÇÕES DA BRAQUIOPLASTIA:

Apesar de a braquioplastia ser considerada segura para a maioria dos pacientes, existem certos riscos e complicações associados a qualquer tipo de cirurgia estética. Alguns deles que podemos citar incluem:

 

Sangramento;
Infecção;
Reação à anestesia;
Cicatrizes inestéticas;
Edema;
Seroma;
Hematomas.

 

Esses riscos são considerados pouco freqüentes, podem ser reduzidos pela escolha de um profissional com boa formação em Cirurgia Plástica e seguindo as recomendações pré e pós-operatórias da cirurgia.

× Conversar